sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

15º Grande Prémio de Ancede – Baião 2012


A segunda retrospetiva




A típica “corrida da bengala”

Apesar de o dia ter acordado cinzento e ameaçar chuva, o 15º Grande Prémio de Ancede-Baião, decorreu debaixo de um sol de final de verão.
Foram algumas centenas de atletas que não quiseram faltar a mais uma prova popular na vila de Ancede, onde, neste mesmo dia, outras provas de grande relevância se realizaram na região norte, como a corrida da marginal da Póvoa do Varzim e Vila de Conde e o VIII de Atletismo de Roriz.
 A prova teve início às 9.30h da manhã com as provas dos benjamins, infantis, iniciados e juvenis.
A prova rainha, dos 10 km, teve início às 11h da manhã. Sendo eu uma estreante neste GP, apenas tinha uma ideia vaga de como era o percurso.
 Os meus colegas de grupo de treino sempre me disseram que era um pouco dura, pois os primeiros 5 km são sempre a subir. Senti-me um pouco reticente pois a subida ainda não é o meu forte. No entanto mentalizei-me que iria conseguir, independentemente do tempo que fizesse no final.
Fim da prova com a bengalinha!
Realmente, após os 500m começou a subida até ao retorno. Fui controlando o esforço para nunca parar. Aos poucos avancei num ritmo lento mas cadenciado. Fui vendo atletas a caminhar logo ao 2º km. Continuei apesar de começar a sentir algumas dores no meu gémeo esquerdo. O calor e o sol que se fazia sentir não ajudou muito, mas cheguei ao retorno relativamente bem. Depois foi só alargar a passada e descer. Aqui recuperei algum tempo. Ainda vi alguns atletas em grande esforço na subida. No último km é que foi mais complicado, pois tem uma ligeira subida e como se vem mais descontraído a descer, aqueles últimos metros foram custosos. Terminei a prova a coxear devido às dores no gémeo. Todavia, tenho de referir que gostei da prova, gostei do desafio da subida, do alívio da descida e de finalizar com o meu objetivo cumprido.
A chuva chegou meia hora depois da prova ter terminado!
Esta prova tem como referência de prémio a típica bengala. Um prémio muito “sui generis” mas que tem atraído cada vez mais atletas nestes últimos 15 anos aquela vila do concelho de Baião.
Carlos Silva e Clarisse Cruz foram os grandes vencedores deste 15º Grande Prémio.

Sem comentários:

Publicar um comentário